26 de nov de 2010

Chá das treze

lá fora o sol raxa, aqui também tem brasa
no ar condicionado, a fumaça deixa tudo abafado
e nada foge do quarto, e nada escapa
não sou vegetal, e também não busco luz

o chá tá quente, a água chegou a secar na panela
culpa de um solo, a tea for two
clarísssimo, num trumpet, num quarto escuro
enquanto o sol pia, lá fora, onde também é escuro

14 de nov de 2010

o que tem demais (amor platônico)

o que ela tem de mais, não vai além de eu imaginando que poderia contar pra ela amanhã o que fiz ontem.
que ela tem de mais: Eu.

nada mais
nada dela

12 de nov de 2010

Doce e Amarga

Eu conheço sua doçura
em qualquer frase amarga
Eu entendo seu atraso
mesmo quando não vem

Por te conhecer,
pra tentar entender:
me coloco de lado.

E vou viver
enquanto te verei, doce e amarga,
passar

10 de nov de 2010

Forró de três

No forró de três
um dança sozinho

Mas sozinho,
gira mais bonito.
E olha melhor pros lados.