26 de mar de 2009

Chífitidél

sem tato sem teto sem kebe
sem sim sem não sem sinto
sem cinto sem calça descalço
sem olho, caolho tesouro

sem mim sem ti sem hífen
ontem foi sem e hoje também
sem tom sem com sem som
ontem foi também hoje é nem

sem isso aquilo sempre sem
um gole na água de quem?
sem delete insert com senha
sem me serve sem atena

tv sem cabo não rola
sem ver o mundo lá fora
não sei se sou quem
nem é de mim falar o amém

Um comentário:

  1. Ôxente!! O comentário que eu mandei era pra sair sobre essa poesia... acbou saindo para o texto de baixo...

    ResponderExcluir